Messi reaparece na frente de CR7 como jogador mais bem pago do mundo

Messi é o jogador mais bem pago do mundo. AFPSegundo o ranking dos salários publicados nessa sexta-feira pelo 'L'Équipe', o argentino Leo Messi volta a aparecer na frente de Cristiano Ronaldo.

Segundo o jornal francês, Messi tem um salário bruto de 8,3 milhões de euros por mês, em comparação com os 4,5 milhões que Ronaldo recebe do clube de Turim, ao qual chegou há duas temporadas.
Ambos superam o brasileiro de Paris Saint-Germain, Neymar, o mais bem pago na França, com pouco mais de três milhões por mês, bem à frente de seu companheiro de equipe, o francês Kylian Mbappé, que não chega a dois milhões.

Atrás estão dois jogadores do Barça, o francês Antoine Griezmann e o uruguaio Luis Suárez, ambos com pouco menos de 3 milhões.
Dois jogadores do Real Madrid, o galês Gareth Bale e o belga Eden Hazard, seguem-no com 2,5 milhões de euros brutos por mês.

A lista destaca que o goleiro espanhol do Manchester United, David de Gea é o jogador mais bem pago da Inglaterra, com 1,76 milhão por mês, à frente do alemão do Arsenal, Mesut Özil e do belga Kevin de Bruyne do Manchester City, ambos com 1,64 milhão.
Na Alemanha, o polonês do Bayern de Munique, Robert Lewandowski e seu parceiro brasileiro Coutinho, emprestado do Barcelona, recebem os salários mais altos, 1,66 milhão por mês cada.
Os argentinos da Juve Gonzalo Higuaín e Dybala, com 1,09 e 1,06 milhão de euros por mês respectivamente, seguem Ronaldo como os jogadores mais bem pagos da Itália.

Entre os treinadores, o argentino do Atlético de Madrid, Diego Simeone, também se repete como o mais bem pago, com 3,6 milhões de euros brutos por mês, à frente do espanhol do Manchester City, Pep Guardiola, com 1,94 milhão.
Eles são seguidos por dois técnicos da Premier, o português do Tottenham, José Mourinho, e o alemão do Liverpool, Jürgen Klopp, ambos com 1,46 milhão.

O francês do Real Madrid, Zinedine Zidane, com 1,4 milhão, ultrapassa levemente o italiano da Inter de Milão, Antonio Conte, com 1,38 milhão, enquanto Quique Setién, recém-chegado ao Barcelona, cobra 500.000 euros brutos por mês, de acordo com 'L'Équipe'.

Postar um comentário

0 Comentários